quarta-feira, 9 de maio de 2012

Especialmente Feliz


Sempre escutei a frase "chorar de felicidade" e nunca entendi o seu real significado, para mim era mais uma força de expressão do que qualquer outra coisa. 
Já chorei de saudade, de tristeza, de emoção… Já chorei até sem saber o motivo, mas de felicidade, felicidade mesmo, hoje foi a primeira vez. 
Hoje uma amiga muito querida completou seus sonhados 15 anos e quem ganhou o presente fui eu: fotografar esse momento tão lindo. 
A Tatá tem Síndrome de Down e comemorou suas 15 primaveras, junto com seu irmão gêmeo na escola dela.
Até então isso não é nada de muito extraordinário, porém a escola da Tatá não é uma escola comum, é voltada para o ensino de pessoas com comprometimento mental, ou como prefiro dizer, PESSOAS ESPECIAIS, pois acredito do fundo do meu coração que são muito mais especiais do que podemos imaginar. 

Desculpem-me se o texto ficar muito longo, porém são muitas coisas que tenho para dizer sobre essa experiência maravilhosa, uma das mais emocionantes da minha vida!

Primeiro eu gostaria de falar sobre a aniversariante, minha princesa Tainá. 
Nos conhecemos há 2 anos, no comecinho do Projeto 21, foi amor à primeira vista, a cumplicidade e o carinho entre nós foram imediatos e segue até hoje, crescendo mais a cada dia. 
Estar nesse momento foi muito significativo para mim, pois acompanhei a espera da Tatá por essa data e a dedicação da minha amada amiga e irmã de alma Tania e de toda sua família para tornar esse dia possível. 

Também quero falar sobre a Nossa Escola, esse lugar maravilhoso que conheci hoje. 
Sei que muitas pessoas são contra educação especial e acreditam que a única forma de inclusão é forçar o convívio de pessoas com deficiência com as com não deficiência. 
Bom, eu não sou contra e nem a favor, acredito que cada pessoa deve ser avaliada e daí então escolher o melhor caminho. Não existe fórmula mágica, não é só porque uma pessoa tem a mesma síndrome ou deficiência que a outra que uma experiência servirá para ambas. Eu já acreditava muito no ensino especial, vejo que em muitos momentos a melhor forma de incluir não é juntar e sim dar as mesmas oportunidades. 
O que eu vi nessa escola foram pessoas felizes, aprendendo de verdade, não apenas copiando. Vi profissionais interessados de corpo e alma em ensinar, respeitando cada limite, cada dificuldade. 
Espero e acredito no dia em que todas as pessoas com deficiência terão essa oportunidade de aprendizado.
A carinha que a Tatá fez quando me viu e seu choro emocionado quando viu sua mesa de aniversário e todos gritando seu nome, foram momentos impagáveis, que estarão guardados no meu coração eternamente. 

E por último, quero falar sobre as pessoas maravilhosas que eu conheci hoje. 
Muitas pessoas não entendem porquê as chamamos de "especiais" e algumas são até contra, eu entendo completamente e sou cada vez mais à favor. 
Nunca fui em uma festa tão animada, ninguém estava sentado ou emburrado, todos estava dançando e felizes por estarem lá e por saberem que uma colega estava completando mais um ano de vida. 
Tinha cerca de 40 jovens, cada um que entrou me abriu um lindo e sincero sorriso e a grande maioria me deu um beijo ou um aperto de mão. 
Eu vi pessoas felizes de verdade, sem vergonha nenhuma de sorrir alto, de gritar, de dançar, de abraçar, de beijar e demonstrar todo e qualquer sentimento. 
Quando alguém estava sem dançar, sempre tinha um para lembrar de chamar, o mesmo aconteceu quando tinha alguém sem comer ou tirar foto, a capacidade que eles têm de pensar no próximo é linda e impressionante. 
Não entendo porquê as pessoas excluem e escondem pessoas tão maravilhosas, no fundo, acho que é medo, as pessoas não entendem o que é diferente e não suportam que alguém seja feliz simplesmente por existir. Justo nós, tão "normais" que desejamos um mundo de coisas para alcançar a tão sonhada felicidade e quanto mais conseguimos menos a encontramos, como vamos entender alguém que precisa de tão pouco para viver feliz de verdade? 
Posso até passar por louca por pensar assim, mas para mim eles estão há anos luz na nossa frente, eles conseguem conviver com todos os defeitos, conseguem superar seus próprios limites e ajudam os outros à superarem os seus. Não vi ninguém discriminar cor, deficiência, classe social, somente pessoas que amam uns aos outros simplesmente por serem pessoas. 
Conheci um rapaz maravilhoso, risonho, extremaste feliz, a alegria dele era me apresentar todos os seus amigos, no final da festa ele me apresentou para os outros como sua amiga e me disse assim: "Tia, você é minha amiga né?" eu muito feliz respondi que sim e ele "Mas é para sempre né tia?, eu mais uma vez, já emocionada, afirmei e ele falou "então eu te amo, como amiga é lógico" e saiu gritando para os colegas que eu era a amiga dele. 
Isso me emocionou de uma forma inexplicável. Recebi um amor sincero, apenas por oferecer minha amizade. 

Por isso tudo que eu digo, eu finalmente CHOREI DE FELICIDADE, pois a emoção dentro daquele refeitório era tão grande, o amor era estampado em todos os rostos e principalmente, a alegria de todos era tão nítida que me fez chorar.

Gostaria de agradecer muito carinhosamente a Nossa Escola por me receber tão calorosamente e também à minha amiga Tania e seu marido Marcos por me deixarem fazer parte dessa história linda. Também quero parabenizar ambos pela linda e emocionante festa e é claro, dar mais uma vez os parabéns à minha amada aniversariante e também para seu lindo e amoroso irmão gêmeo Victor.

Talvez para muitos isso seja apenas bobagens, mas para mim que amo essa causa e estar cercada por pessoas tão maravilhosas, foi um momento que nada no mundo pagaria.
Espero que esse relato sirva para vocês refletirem sobre a vida. 
Como é fácil viver e ser feliz, basta tão pouco, porquê complicamos tanto? 
Vamos aprender amar mais, sorrir mais e ser feliz sem precisar de motivos, coisas ou pessoas.
Um grande beijo para todos!

Minha querida Tainá


12 comentários:

  1. Ai Fla, que amor esse seu, desejo que continue compartilahndos eu amor com essas pessoas maravilhosas, e seu conhecimento e experiencias com a agente que leigos, cada dia aprendemos mais e mais. Que essa felicidade continue ecoando no seu coração eternamente.

    ResponderExcluir
  2. Lindo, Tata parabéns e Flavia tenho orgulho de ser sua irmã beijo

    ResponderExcluir
  3. Foi lindo né?
    Eu fui professora da Tainá por 2 anos e foi o suficiente pra marcar a minha vida pra sempre!!!
    Admiro muito a sua vontade de viver, de aprender e de crescer!!!
    Sou agradecida a Deus por ter me dado a oportunidade de participar um pouquinho da vida dessa anjinha!

    Bjs!

    PS: Flávia, é lindo o seu trabalho!

    ResponderExcluir
  4. Nossa,que emocionante Flávia,fiquei aqui imaginando como foi esse dia, pelo seu relato lindo fiquei até emocionada. Parabéns Tatá pelo seu dia, muitas felicidades mesmo do fundo do coração. Beijo grande em todos.
    Andréa Higa

    ResponderExcluir
  5. Flá sem palavras,Li todo esse texto com lágrimas nos olhos,e tbm felicidade ,que Lindooooooooooooo,Parabéns pelo Lindooo trabalho que eu admiro muitissimo,e é isso que Deus está te mostrando,que essas pessoas especialmente especiais,estão aqui para nos mostrar que para ser feliz basta tão pouco,e vc merece esse carinho todo,por ser tão especial,adorooo vc,e Viva o Projeto 21,viva a Flá,e essa poesia são para essas pessoinhas especiais lindas de viver...Que nos fazem sorrir com um sorriso e amar com um abraço...

    EU SOU DOWN



    Sou um ser especial

    tenho muito a te ensinar

    sobre o verdadeiro amar

    aqui nesta esfera mortal

    Sou diferente da maioria

    não sei mentir ou fingir

    o que sei mesmo é sorrir

    e espalhar minha alegria

    Vim ao mundo pra ensinar

    mais do que para aprender

    ensinar a você como amar

    Os seus preconceitos vencer

    as diferenças aceitar

    e ao Pai Celeste bendizer.
    Jorge Linhaça

    ResponderExcluir
  6. Oi Flavinha, obrigada por pensartilhar conosco...
    Foi realmente emocionante o que aconteceu na Festa da Tata e do Victor...eu particularmente estou muito feliz...GRande beijo no ♥!!!
    Tania e Tainá.

    ResponderExcluir
  7. Olá Flávia
    Que bonito e sincero depoimento.
    Penso como vc e queria tanto uma escola como essa para minha neta, hoje com 1 ano de idade!
    Pode me dizer onde fica essa escola? Imagino que seja em Campinas.
    Quero conhece-la: acho que as crianças Downs podem ser mais felizes qdo juntas e aprendendo no ritmo delas, sem essa propalada e utópica inclusão!
    Um abraço
    Irene

    ResponderExcluir
  8. Oi Flá! Muito lindo! Beijos

    Renata (Manu)

    ResponderExcluir
  9. nossa que lindo,não tem cm não chorar,asim cm vc tbm acho q essas pessoinhas são mais do que especiais,nós os dito "normais" não conseguimos ver a beleza do mundo,nossos olhos são cegos diante imensa felicidade,pureza.....tenho uma florzinha muito delicada que me ensina a cd dia...MAria Clara, cm ela aprendo a da valor nas pequenas coisas...é um amor que transborda nossa alma,que afaga td de ruim que existe nesse mundo....

    ResponderExcluir
  10. Que "pensartilhando" especial!!!!É por isso que chamamos essas pessoas de especiais,pela capacidade que elas tem de mudar tudo a sua volta.Eu sempre digo que ninguem muda ninguem,mas as pessoas especiais tem esse poder de mudar,sem dizer,sem exigir mudam todo o entorno.Felizes das pessoas como vc Falvinha que tem essa sensibilidade de aprender e amar tanto.Até entendo que nós enquanto mães amamos tanto e nos entregamos a causa,mas você é realmente muito especial por adotar esse amor.Parabéns!E Parabéns a Tainá,ela mudou totalmente meus pré conceitos,me apaixonei por ela a primeira vista e aprendi a lutar com sua mãe Tãnia minha irmã de alma como diz a Flavinha.Beijos

    Katia da Laurinha!

    ResponderExcluir
  11. Tânia Aquino Ortiz10 de maio de 2012 06:57

    Nossa você e show , temos muito a agradecer por abraçar nossa causa... viu mocinha iluminada ... Li tudo com nó na garganta e muitas lagrimas na face so emoção !!!

    ResponderExcluir
  12. que lindooooooooooooooooo!!!!é para chorar de felicidade mesmo!!!linda suas palavras, linda experiencia e linda a aniversariante!!
    bjkas

    ResponderExcluir